31/03 – Rede Afluentes: Oficina de estudos e confluência

 

logo afluentes transparente

Descrição

“Rede Afluentes: oficina de estudos e confluência: para inspirar, incomodar, mexer, criar, trocar, permanecer, fazer, ser, pestanejar”

A Rede Afluentes: oficinas de estudos e confluência é a formação de coletivos que discutem, aprofundam e agem em cima de temas intrínsecos ao ser humano e suas questões! Sempre com o objetivo de agir para transformar os espaços que habitamos (externos e internos).

Quando: 31/03 (terça-feira), das 19h às 21h.

Onde: na Sois Uno – Rua Guarulhos, 90, Sala 3, Caraguatatuba/SP

Vagas: mínimo 5, máximo 10 pessoas

Inscrições até 29/03/2015: [email protected]

Investimento: R$15,00 – promoção de inauguração.

 

O que é uma Oficina de Estudos e Confluência?

É um espaço para profissionais de diversas áreas pararem para refletir sobre suas práticas de trabalho, o sentido que elas fazem em sua vida, o quanto estão no automático, fazendo e reproduzindo ações sem muita criatividade.

É um respiro para oxigenar longamente o corpo, para jogar luz sobre o cotidiano e buscar transformações positivas, proporcionadas pela discussão de ideias e reflexões em grupo.

Esta edição da Rede Afluentes é para discutir a relação com o trabalho nosso de cada dia! Que em geral é conflituosa, está em constante crise e precisa ser oxigenada para frutificar.

Nos 4 Encontros discutiremos textos para embasar as temáticas propostas, com o intuito de que a conversa em grupo inspire novas possibilidades de construirmos um ambiente de trabalho novo, criativo, corajoso, com sentido e prazeroso!

 

Rolou identificação? Venha participar!

 

Encontro 1 – 

Neste encontro nos debruçaremos sobre uma questão afluente: Somos narradores de nossa prática profissional? O quanto colocamos de nós no que fazemos? Meu trabalho tem a minha cara? Meu jeito? O que diz de mim meu trabalho?

Subsidiaremos nossa discussão pelos argumentos do texto “O Narrador”, de Walter Benjamin, que foi um filósofo alemão, nascido no final do século XIX, e um dos mais importantes integrantes da escola de Frankfurt e da Teoria Crítica.

 

Próximos encontros:

 

Encontro 2: Como nossas potências são usadas no trabalho?

Texto: Iberê Camargo—”Cartão de Natal”

Data: 14/04/2015

 

Encontro 3: A ação e o discurso são uma condição humana?
Hannah Arendt—”A condição humana”

Data: 28/04/2015

 

Encontro 4: Quais os passos para criar a nossa narrativa?
Textos: Antônio Lancetti e Gilberto Safra

Data: 12/05/2015

 

Sobre Marina Moreto – facilitadora da Oficina:

É geógrafa pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e artista pela vida. Tem especialização em psicanálise (artepsicoterapia) e mestrado no Laborarte-Unicamp (Laboratório de Estudos sobre Arte, Corpo e Educação). Trabalha como consultora em políticas públicas sociais para organismos internacionais, ministérios e governos estaduais e municipais. Também trabalha como artista plástica.